media and press



A EXECUTIVA

A morte existe? O que muda quando partimos para a Espiritualidade? A personagem central de nossa história, Maria Lúcia, demorou a perceber e aceitar sua nova realidade, dando continuidade aos seus equívocos e enganos, apesar da constante ajuda e amparo dos familiares e benfeitores amigos, que buscavam despertá-la de seu sono egoísta de poder, fama e ilusório sucesso. Por meio da imensurável Misericórdia Divina, descobriu que o bem mais precioso para qualquer ser humano é o Amor Fraterno, que se personifica nos semelhantes que nos rodeiam.